Livro: Não é mais verão | Autor: Leila Rego | Lançamento: 2017 | Editora: Amazon (Independente)  | Páginas: 37 | Classificação do Skoob: 4,5 |
Onde comprar: Amazon | Avaliação: 5 Estrelas
*E-book cedido pela autora

Olá pessoal!

Hoje vou resenhar pela primeira vez um conto aqui no blog. Não é mais verão da talentosa Leila Rego publicado de forma independente na Amazon.

SinopseNão é mais verão conta a história de Melissa, que viu sua vida mudar radicalmente após viver um amor intenso na sua juventude e ser abandonada repentinamente. Diante de uma notícia inesperada, descobriu que estaria sozinha em uma difícil caminhada com decisões que afetariam toda a sua vida daquele momento em diante. Do relacionamento que deixou marcas profundas e perguntas sem respostas, ela guardou algumas lições, mas percebeu que nunca havia superado aquela fase quando, de repente, o passado a encontrou novamente. É quando Melissa precisa decidir qual caminho deverá seguir.

Acompanho a Leila Rego nas redes sociais e assim que a autora divulgou que iria publicar esse conto fiquei na expectativa. Não é mais verão foi publicado no final de março na Amazon e conta a história de Melissa. É a personagem mais madura que já li da autora, ela tem 43 anos quando narra sua trajetória. Ela sofreu uma grande decepção amorosa quando cursava a universidade, foi abandonada da pior maneira pela pessoa que amava e no momento que mais precisava de apoio. Por conta desta separação, Melissa acabou fazendo uma escolha que afetou toda a sua vida. Passados vários anos, ela achava que estava bem e que já tinha superado os traumas do passado. Afinal seguiu sua vida e tornou-se bem sucedida em sua carreira. Só que um reencontro inesperado faz com que perceba que na verdade ela não superou mas sim deixou tudo guardado em um canto esquecido da memória. Agora Melissa terá que enfrentar os fantasmas do passado para conseguir colocar no lugar suas emoções e lembranças e assim decidir seu futuro.

Por ser um conto a história é bem curta e tentei falar um pouco da trama sem soltar nenhum spolier. O título do conto faz todo o sentido depois que você lê a história. Não é mais verão é diferente de tudo o que eu já tinha lido da autora. Os outros livros que li da Leila eram chick-lit. Neste conto, um tema muito delicado é parte muito importante na história de Melissa. Amei o modo como a Leila o abordou, vou ficar na torcida para que ela escreva mais histórias assim. Durante a leitura é possível sentir as dores e os conflitos que Melissa teve que viver sozinha. Um fato que me entristece é que por mais que esta história seja uma ficção não é difícil encontrar quem a tenha vivido no mundo real. 

Se você ainda não conhece os outros livros que a Leila Rego publicou, aproveito para indicá-los: A segunda vez que te amei, Amigas (Im)perfeitas que tem resenha aqui no blog, #Partiu vida nova e As fases da lua que foram publicados pela Editora Gutenberg; e O livro delas publicado pelo selo Fábrica231 da Editora Rocco (os dois últimos livros citados reúnem contos de várias autoras). Eu tive a oportunidade de conhecê-la pessoalmente em um evento literário no ano passado e fiquei ainda mais encantada. Ela foi muito simpática e carinhosa com os leitores. 

Agora uma ótima notícia para quem assina o Kindle Unlimited, aproveitem a oportunidade de ler Não é mais verão pois ele está disponível para locação. Vocês não vão se arrepender. Não deixem de conhecer também os outros trabalhos da autora, vocês vão viram fãs.

Fico por aqui e volto no domingo com um novo post.

Beijos,


15 Comentários

  1. Oi Thaís, ainda não conheço os livros da Leila mas fiquei curiosa com a resenha. A história parece ser bem intensa pra um conto, mas talvez isso seja bom e torne a leitura ágil e difícil de largar. Não me lembro de já ter lido um livro com uma personagem tão madura também, 43 anos e já anotei a dica ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vaia amar esse conto. Não deixe de ler.

      Beijos,

      Excluir
  2. HHAHAHA Primeiramente, eu gostaria de dizer que adorei a referência com o Olaf, que coisa lindaaaa ♥
    Agora sobre a história do livro: eu já ouvi falar muito dessa autora e sempre muito bem. Achei muito interessante a personagem ser bem mais madura do que estamos acostumados a ver por ai. Fiquei curiosa em ver como uma autora habituada aos chick-lits consegue desenvolver bem uma história com esse tema bem mais delicado!

    Beijos,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Josy esse é o meu "Olaf Verão", lindo né! Ele tinha que ser o modelo nesta foto. Não deixe de ler este conto, você vai ver como o texto da Leila ficou perfeito neste novo estilo.

      Beijos,

      Excluir
  3. Thaís, ao meu ver, esse conto tem muita história que poderia ser aprofundada e ter virado um livro, e não ter sido curtinho, porque a premissa é bastante interessante e parece ser uma história prazerosa de se ler. Entretanto, não conhecia a autora mas posso dizer que já estou apaixonada pelas obras dela (pena que não tenho Kindle </3 ). Estou muito curiosa para conhecer o passado de Melissa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem sabe Nicoli a Leila não transforma esse conto em um livro né! Pra ler no Kindle Unlimited não é preciso ter o aparelho, você pode baixar o aplicativo no seu celular. Depois dá uma olhada no site da Amazon Brasil, lá tem a explicação certinha sobre o funcionamento.

      Beijos,

      Excluir
  4. Oi, Thaís.
    Não conhecia a autora e nem suas obras.
    Admito que não curto contos porque sempre quero mais rs.
    Beijo

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Camila, também não tinha costume de ler contos. Mas eles ajudam muito quando você não tem tempo para ler um livro ou está em uma fase que precisa ler algo mais curtinho. Se fosse você daria uma chance para contos, eles nos ajudam a conhecer novos autores.

      Beijos,

      Excluir
  5. Oi Thaís, tudo bem? Não conhecia a autora e confesso que gostei da premissa do conto. Irei pesquisar mais sobre as outras obras dela. Parabéns pela resenha!

    Beijos,
    www.paginasincriveis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Júlia! Você vai amar os livros da autora.

      Beijos,

      Excluir
  6. Oi Thais! Eu não conhecia a autora e fiquei super curiosa com a história do conto e com os outros livros dela. Adoro quando personagens fora do padrão e com temas importantes, como esse aparenta trazer. Anotei aqui na lista de desejos! <3
    xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que você tenha gostado da resenha Rê. Não deixe de ler este conto e os outros livros da autora, você vai amar.

      Beijos,

      Excluir
  7. Oi Thaís! Antes de mais nada preciso dizer que adorei o Olaf na foto haha
    Eu sou uma pessoa difícil de lidar quando o assunto é contos. Não sou muito fã, mas isso não significa que não leio, muito pelo contrário. De vez em quando aparecem alguns que chamam minha atenção. Assim como aconteceu com esse. Acho que foi pela intensidade que senti por meio da sua resenha.
    Beijokas
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que você tenha gostado da resenha. Espero que goste tanto quanto eu deste conto.

      Beijos,

      Excluir
  8. Parece ser uma estória encantadora, não digo pelos problemas que ela passou, claro, mas por mostrar como ela conseguiu seguir com sua vida, como ela não vive através de seus problemas... Além de ela usar uma pessoa madura, para mostrar que não precisa ser jovem para ter problemas ou para ainda ter que encará-los, achei muito bom apesar de ser um conto.

    ResponderExcluir